Fabio Lopez

el

DISEÑO GRÁFICO // BRASIL

www.minirio.com.br

Twitter // Flickr

¿Por qué elegiste el diseño como una carrera en tu vida?
Iniciei meus estudos na área por gostar de desenhar, mas esse não é efetivamente um marco significativo nesta decisão. O ato de projetar é um jogo mental extremamente desafiador e pode trazer recompensas pessoais imediatas muito sedutoras – sobretudo para um jovem estudante buscando respostas sobre seu lugar no mundo. Ser respeitado por algo intelectual e extremamente subjetivo muda o paradigma pessoal de qualquer um, e eu tive a sorte de ter bons professores para estimular esse processo de transformação. O gatilho talvez tenha sido a descoberta da tipografia digital ainda na década de 90, em um período de muita experimentação, expansão e descoberta. Nesse ponto de minha formação, creio ter conseguido consolidar uma base muito sólida de interesses e objetivos, e ainda serviu como primeiro contato com a generosa e receptiva comunidade de profissionais da área.

¿En qué medida tu crees que ser un diseñador latinoamericano te distingue y destaca de otros diseñadores en el mundo?
Na medida em que, provavelmente, somos o povo do planeta mais preocupado com esse tipo de questão. Essa preocupação é histórica, e, na minha opinião, decorre da maneira como a profissão foi implementada na região: através de modelos estrangeiros inadequados ao nosso contexto sócio-econômico. Nesse ponto, a busca por uma identidade local tornou-se quase uma obsessão – bem vinda como forma de resistência, exagerada enquanto busca por uma expressão cultural. Mas, para não fugir totalmente à pergunta: não percebemos por aqui o mesmo grau de deferência ao arcabouço teórico e histórico da profissão. Isso nos permite arriscar mais: erramos e acertamos na mesma medida – e essa espécie de ‘ingenuidade inventiva’ acaba sendo bastante recorrente como característica de um design praticado na região.

¿Cómo ves el diseño en tu país?
Como um adolescente cheio de energia, ansioso, um pouco equivocado, tentando encontrar rapidamente seu lugar no mundo e muitas vezes copiando os adultos em seus erros. Embora a profissão já esteja relativamente consolidada no Brasil, o mercado ainda prioriza estruturas criativas pouco dinâmicas e baseadas em modelos de negócio do século XX. Tenho esperança na nova geração de designers, crescida sob o espírito da inovação, do empreendedorismo e muito mais aberta e disposta a encarar uma profissão de contornos cada vez mais fluidos. Essa garotada não quer simplesmente ocupar um lugar vago num mercado que não absorve todas as suas expectativas profissionais – e isso é excelente.

¿Cuál es tu fórmula íntima e ideal de trabajo para ser más efectivo al momento de diseñar?
Eu distinguiria meu processo em duas situações muito claras: efetividade pragmática e criativa. A efetividade pragmática exige ordem, foco e objetividade nas ações. Já a efetividade criativa exige altas doses de energia e caos, algo que estimule explosões, colisões e recombinação de ideias. Não tenho fórmula íntima ou ritual, mas procuro criar um ambiente propício para cada tipo de situação. Em comum apenas as ambições elevadas (pressão por desempenho), música alta, isolamento e madrugada. Considero a ação criativa uma tarefa muito íntima para ser compartilhada.

¿Cuáles son los errores más comunes que cometen algunos diseñadores al momento de encarar un proyecto de diseño?
Achar que são capazes ou obrigados a responder SIM para toda e qualquer demanda profissional que aparece. A falta de expertise e/ou tempo hábil de desenvolvimento pode transformar um projeto simples em uma grande dor de cabeça, afetando toda a cadeia de profissionais envolvida no processo. É extremamente importante respeitar cada trabalho por sua particularidade, dos mais complexos e bem remunerados aos mais simples e filantrópicos: você será definido e percebido por tudo o que faz, e não somente pelo que consta em seu portifólio. Se não tem condição de fazê-lo bem, seja franco e pule fora.

¿Qué consejo darías a una persona que está por elegir esta carrera o empezando a trabajar en ella?
1) Uma boa formação profissional te ensina a aprender, mas depende de você continuar esse processo. Estude sempre, e evite passar a vida inteira criticando a faculdade pelo que não aprendeu: essa responsabilidade é essencialmente sua, inclusive quando estudante. 2) Acaso, sorte, acidentes e surpresas fazem parte do caminho, mas geralmente é você quem cria as circunstâncias para que as coisas aconteçam. 3) Tenha sempre um plano B e habitue-se a desenvolver projetos pessoais: é uma excelente maneira de experimentar um maior controle sobre o seu processo de design. Nunca fique parado e realize suas ideias, mesmo as ruins. 4) Não abrace a profissão (esta ou qualquer outra) simplesmente por dinheiro: é o primeiro passo para todo tipo de frustração profissional, algo que definitivamente você não vai conseguir converter em dinheiro.

Los 5 libros importantes que todo diseñador debe leer:

  • ‘O Ócio Criativo’, de Domenico De Masi (provocação);
  • ‘Sem Logo – A Tirania das Marcas em um Planeta Vendido’ de Naomi Klein (reflexão);
  • ‘As Leis da Simplicidade’ de John Maeda (inteligência projetual);
  • ‘Tudo que é Sólido Desmancha no Ar – A Aventura da Modernidade’, de Marshall Berman (história);
  •  ‘Ponto e Linha Sobre o Plano’, de Wassily Kandinsky (expressão).

Las 5 personas que todo diseñador debe conocer:

  • Gui Bonsiepe
  • Matthew Carter
  • Rubén Fontana
  • Aloísio Magalhães
  • Milton Glaser

Tu frase motivadora favorita es:

Otimismo não é ingenuidade: é uma estratégia de vida e demonstra um profundo senso de ambição pessoal. Coloque seu otimismo em prática.

Anuncios

Responder

Introduce tus datos o haz clic en un icono para iniciar sesión:

Logo de WordPress.com

Estás comentando usando tu cuenta de WordPress.com. Cerrar sesión / Cambiar )

Imagen de Twitter

Estás comentando usando tu cuenta de Twitter. Cerrar sesión / Cambiar )

Foto de Facebook

Estás comentando usando tu cuenta de Facebook. Cerrar sesión / Cambiar )

Google+ photo

Estás comentando usando tu cuenta de Google+. Cerrar sesión / Cambiar )

Conectando a %s